Patricia Luzia Stieven

A primeira mulher, em 53 anos de existência da subseção no município, a assumir ao cargo de vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), de Frederico Westphalen

Publicado em 26/08/2019, última alteração em: 09/09/2019 17:48.

Por:



A primeira mulher a advogar no Brasil foi Myrthes Gomes de Campos, em 1906. Ela concluiu o curso de Direito em 1898, mas só oito anos depois conseguiu exercer a advocacia, em razão do preconceito e resistência que existiam na época em relação às mulheres. Atualmente, ainda que existam obstáculos e dificuldades, as mulheres conseguiram, e conseguem, ênfase e notoriedade na área, atingindo posições importantes nas esferas judiciais e políticas. Entre elas, destaca-se a atuação de Patricia Luzia Stieven, que neste ano assumiu o cargo de vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), de Frederico Westphalen, sendo a primeira mulher, em 53 anos de existência da subseção no município, a assumir a função.

– Em novembro deste ano, a nossa subseção, que tem como presidente o Pablo Henrique Caovilla Kuhnen, completará 53 anos de instalação em Frederico Westphalen, e essa é a primeira gestão que traz uma mulher na vice-presidência. É uma grande responsabilidade, pois busco representar as advogadas, o trabalho que vem sendo desenvolvido é com o intuito de abrir caminho para as novas profissionais que vêm chegando, para que elas não precisem passar pelas mazelas que eu e tantas outras encaramos na profissão, pelo simples fato de sermos mulheres – destaca a vice-presidente.

Ainda, na subseção de FW, Patricia ocupa o cargo de presidente da Comissão da Mulher Advogada. “Não posso deixar de mencionar a Comissão da Mulher Advogada, da qual sou presidente desde a gestão passada (2016/2018 e 2019/2021), e o trabalho incansável desse grupo de cerca de 20 advogadas, que está projetando as mulheres da nossa profissão na sociedade, dando visibilidade, promovendo campanhas sociais e institucionais, seja em favor das mulheres da nossa comunidade, seja em prol das próprias advogadas! Sou grata por viver esse momento da advocacia, em que homens e mulheres juntos lutam pela igualdade”, frisa.

Amor pelo Direito

Patricia Luiza Stieven tem 36 anos, é natural de Planalto, mas há 10 anos reside em Frederico Westphalen, ao lado do esposo, Jean Pablo Dreyer, e do filho Miguel, de cinco anos. O amor pelo Direito iniciou ainda no ensino médio, em uma aula de Sociologia, momento em que os debates da sala despertaram o desejo para a escolha da área jurídica. “Aquilo mexeu comigo, iniciei o curso de Direito e não tive dúvidas que era o que eu queria para mim. Não me vejo trabalhando em outra área que não seja o Direito”, conta Patricia, que formou-se na URI/FW, em 2006, tem especialização em Função Social do Direito: Processo, Constituição e Novos Direitos, e mestrado em Direitos Fundamentais.

Mas, a paixão pelo Direito foi além de ‘apenas’ tornar-se uma advogada, Patricia queria transmitir os seus ensinamentos para mais pessoas e tornou-se professora universitária. “Quando as mulheres passaram a entender que só elas podem mudar suas vidas, mudar o cenário cultural que as cerca, é que passamos a ter mais representatividade nos espaços de poder, mais voz e vez. Nessa minha trajetória, não posso deixar de agradecer meu sempre mestre Antonio Luiz Pinheiro, que foi quem me acompanhou no início da carreira, me deu a primeira oportunidade de vivenciar o dia a dia da advocacia. Meu esposo, por compartilhar todos os momentos comigo e estar sempre ao meu lado, apoiando com os cuidados do nosso filho, e todos aqueles que sempre acreditaram que eu conquistaria o meu lugar”, acrescenta.

Sempre o melhor

Vivendo uma das melhores fases da sua vida, Patricia quer aproveitar ao máximo as oportunidades, assim como o pequeno Miguel e o esposo Jean.

– Vejo hoje que os casais buscam ter muitas coisas e por vezes acabam esquecendo do mais importante, que é o ser e o estar presente na vida daqueles que amamos. O que se leva dessa vida, é a vida que se leva. Então, acredito que os projetos e sonhos sempre devem fazer parte da nossa vida, para nos instigar a buscar sempre o melhor, aquilo nos realiza. No momento, meu foco é minha carreira na advocacia e na gestão da OAB/FW, além de curtir muito meu filhote, que está crescendo rápido e precisa cada vez mais da presença da mamãe. Por fim, gratidão resume o meu momento – finaliza.

 Texto: Suseli Cristo

COMENTÁRIOS

Os comentários no site não são moderados e são de inteira responsabilidade de seus autores. Utilize este espaço com elegância e responsabilidade. Ofensas pessoais e palavras de baixo calão serão excluídas.
PUBLICIDADE
10 - Promo Assinatura
PUBLICIDADE
13 - Zooclínica
PUBLICIDADE
13 - Dedetização Daniel