PUBLICIDADE
9 - Caminhada Sesc

Caso Bernardo

Defesa de Leandro Boldrini pediu que réu não respondesse questionamentos de promotor

Publicado em 13/03/2019, última alteração em: 13/03/2019 21:19.

Por:



Serrano Nº11

No terceiro dia de julgamento dos réus acusados pela morte de Bernardo Boldrini, o pai, Leandro Boldrini passou a ser ouvido nesta quarta-feira, 13. O auge da tensão foi marcado quando a defesa de Boldrini impediu que o promotor Ederson Vieira começasse a questionar o acusado. Segundo o manifestado pelos advogados, o membro do Ministério Público estava constrangendo Leandro e, a partir disso, foi solicitada a consignação das perguntas.

A juíza Sucilene Engler, que preside o júri, autorizou o promotor a revelar os próximos questionamentos que faria ao réu. As perguntas seriam:

 

– O senhor se referiu a Odilaine (ex-mulher de Leandro) no velório como presunto?

–De quem foi a ideia de fazer a gravação durante a briga (vídeo mostra Bernardo e Leandro discutindo) e quais os motivos?

–Por que você referiu, em depoímento, que Bernardo e Graciele se odiavam?

– Você referiu em seus depoimentos que fez contato extremo com o seu filho no dia 6, quando soube do desaparecimento, mas temos informações que não é verdade. A operadora Vivo informou que você ligou às 16h41 e depois você vai ligar quase três horas depois do desaparecimento. Não bastasse, você só vai fazer outra ligação para ele no outro dia às 10h47min e o seu filho estava desaparecido. Ainda, apesar do seu filho estar desaparecido, o senhor desligou o telefone, passando a madrugada toda desligado. Falando em telefone, por que não deu o número na rádio e preferiu que ligasse para a polícia?

– O senhor poderia definir para os jurados o que é ser pai e mãe? Tudo o que escutamos foram relatos de omissão.

– Alguma vez você já agrediu Bernardo fisicamente?

– Se agrediram Bernardo naquele dia (da gravação do vídeo), por que agrediram Bernardo?

– Qual seria o efeito do Midazolam no seu filho?

– O que o senhor como pai fazia para o seu filho? Qual era a sua rotina com o seu filho?

Na sua compreensão, quem matou Bernardo e por que?

 – O que o senhor sente ao olhar nos olhos dos outros réus?

– Quero que o senhor defina para os jurados quais as consequências da morte de Bernardo na sua vida?

 

No final, o promotor revelou mostrar um áudio de um padrinho de Bernardo questionando a falta de compromentimento de Leandro na procura do menino que estava desaparecido há uma semana. O áudio dizia:

“Teu filho sumiu faz uma semana e tu está aí dormindo? A Kelly voltou com esse piá (da viagem que fez com Bernardo)?", pergunta Ary, padrinho do garoto, em ligação telefônica para Boldrini. "Eu vou tirar vocês dessa 'zoninha de conforto'. Vocês têm culpa no cartório", gritou. 

 

 

COMENTÁRIOS

Os comentários no site não são moderados e são de inteira responsabilidade de seus autores. Utilize este espaço com elegância e responsabilidade. Ofensas pessoais e palavras de baixo calão serão excluídas.
PUBLICIDADE
Zooclínica Nº 13
PUBLICIDADE
13 - Carijo