Obituário

Profissional atuou por vários anos na Inspetoria Veterinária de Frederico Westphalen

Publicado em 25/01/2021, última alteração em: 26/01/2021 08:43.

Por:



11 - Girassol

Morreu no domingo, 24, aos 76 anos, o médico-veterinário Jorge Oli Viçosa Sitya. Ele estava internado no Hospital Moinho de Ventos, em Porto Alegre, e veio a óbito em decorrência de complicações da Covid-19.

Natural de Itaqui, formou-se em Medicina Veterinária pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), em 1971. Logo em seguida, mudou-se para Frederico Westphalen, onde foi professor no Colégio Agrícola e, posteriormente, começou a trabalhar na Secretaria de Agricultura do Estado, sendo chefe da Inspetoria Veterinária de FW. “Acredito que tenha sido o terceiro médico-veterinário a atuar na Inspetoria e foi o que mais ficou à frente do cargo. Era na época que existiam poucos profissionais aqui na região e o trabalho abrangia vários municípios. Por isso, ele era bem conhecido”, conta o amigo e colega de profissão, Edson Buzzeto.

Além do trabalho na Inspetoria Veterinária, onde atuou até aposentar-se, Sitya sempre foi envolvido com a comunidade, sendo membro efetivo e presidente do Lions Clube de FW, esportista e integrante de várias outras entidades. “Foi um excelente profissional e uma pessoa de grande expressão em nossa sociedade”, destaca o historiógrafo Wilson Aleixo Ferigollo.

Há alguns anos, o profissional residia com a família em Porto Alegre. Antes de deixar FW, ainda foi proprietário da Clínica Veterinária São Francisco.

Sitya foi cremado na tarde desta segunda-feira, 25, na capital gaúcha. Deixa, além da esposa, Celestina Vitória Moraes Sitya, que foi professora na URI/FW, o filho Lucas Sitya.

 

COMENTÁRIOS

Os comentários no site não são moderados e são de inteira responsabilidade de seus autores. Utilize este espaço com elegância e responsabilidade. Ofensas pessoais e palavras de baixo calão serão excluídas.