PUBLICIDADE
Unopar nº 9
Ivan Luiz Tasso
Ivan Luiz Tasso

Bacharel em Administração.

Sugestões, elogios e dúvidas: clique aqui para enviar um e-mail.

Lançamento de livro

Realizei uma entrevista com o autor e transcrevo as partes principais

Publicado em: 17/11/2018

Rodeio Bonito está sendo presenteado com mais um livro escrito por um cidadão rodeiense. João Vítor Duarte estará publicando seu primeiro livro – A Vida Em Breves Despertares –, no mês de novembro.

Realizei uma entrevista com o autor e transcrevo as partes principais. Sobre o tempo para concluir a obra: “Na questão de desenvolvimento e estudo é quase indefinido, pois decorre de fatos pessoais, experiências empíricas, observações e estudo filosófico/psíquico autodidata. No fim, fui unindo todas as partes ao longo de um ano e o resultado que se concluiu foi este, minha primeira obra literária”.

Como surgiu a ideia de escrever o livro: “Muitas pessoas me deram incentivo, como professores, amigos, conhecidos e até aqueles que já se foram. Acumulei muitos rascunhos, cartas para terceiros, composições musicais, conversas com amigos e com meu pai durante esses anos, e senti que podia juntar tudo e apresentar para as outras pessoas, que por assim se identificariam com a minha forma de agir, sentir e pensar”.

Por que desse título: “Então, a ‘Vida’ seria o aspecto geral ao qual meu livro pode se fundir com a vida das demais pessoas, e ‘Breves Despertares’ se relaciona ao tamanho do livro e os tópicos abordados que não são tão extensos, mas com certeza, profundos”.

Suas fontes de inspiração: “Na música existem duas figuras muito importantes, que são John Frusciante e Humberto Gessinger. Na literatura gosto de Sêneca, Franz Kafka, John Locke, Voltaire, Aristóteles e Platão. No cinema, ‘Forrest Gump’, ‘O Show de Truman - O Show da Vida’, ‘Den Brysomme Mannen’, ‘Edward Mãos de Tesoura’, ‘Mágico de Oz’ e ‘Uma Viagem à Lua’.

A temática: “O conteúdo é misto, deveras pela organização dos tópicos, o livro se divide em temas, algo que a literatura contemporânea apresenta bastante, então, se você não gostar de um tema, tem outros que talvez lhe interessem. Gosto da ideia de nunca dizer tudo aquilo que posso, mas dividir em partes”.

Sobre o incentivo para a realização da obra: “Tive apoio de pessoas e familiares que contribuíram comigo pessoalmente, também grupos religiosos e de causas humanitárias aos quais posso citar o Emaús de Rodeio Bonito, Liga Rodeiense de Combate ao Câncer e o Grupo de Cursilho Cristandade”.

O autor convida e o colunista faz um chamamento: “Espero todos no lançamento, no dia 23 de novembro, no auditório da Escola Estadual de Ensino Fundamental José André Acadroli, na rua Júlio de Castilhos, 55, em Rodeio Bonito.

 

 

 

 

COMENTÁRIOS

Os comentários no site não são moderados e são de inteira responsabilidade de seus autores. Utilize este espaço com elegância e responsabilidade. Ofensas pessoais e palavras de baixo calão serão excluídas.